Marvão é uma vila histórica medieval, situada no Distrito de Portalegre, região do Alentejo, no alto de uma falésia rochosa da Serra de Sapoio, a uma altitude de 860 metros.

O município de Marvão abrange uma área de 154,90 km² e tem uma população de 3512 habitantes. A vila de Marvão tem perto de 105 habitantes.

A elevação rochosa sobre a qual se erguem a vila e as fortificações de Marvão eram designadas, no século X, na obra do historiador cordovês Isa de Ibn Áhmad ar-Rázi, respetivamente por Amaia de Ibn Maruán e Fortaleza de Amaia. Ibn Maruán foi um muladí, de origem nobre emeritense, que se destacou como caudilho rebelde contra o Emirado de Córdova, no último quartel do século IX. O inexpugnável monte serviu sempre, ao longo da história, de refúgio fortificado. Esta foi também a utilização que lhe foi dada por Ibn Maruán, que ali se assentou nos anos 876/877, o que deu origem ao atual topónimo Marvão.

A forma como as muralhas e as suas torres se integram nas escarpas rochosas fazem de Marvão um conjunto homogéneo, numa perfeita combinação da obra humana e da sua orografia natural. Os principais pontos de interesse da vila, são, sem dúvida, o castelo de Marvão, com a sua imponente muralha, o Museu Municipal, a Casa da Cultura, o Museu e as Ruínas Romana da cidade de Ammaia, a Ponte Quinhentista, a piscina municipal, e a praia fluvial do rio Sever, na aldeia da Portagem. Situada no Parque Natural da Serra de S. Mamede, a região de Marvão possui uma fauna, uma flora e uma beleza paisagística únicas. As frondosas trilhas e os vales férteis que atravessam a região do Marvão oferecem excelentes condições para a prática do trekking, e para passear em bicicleta ou a cavalo.

Dos eventos culturais que se realizam em Marvão merecem destaque a Feira da Castanha, o Festival Islâmico Al Mossassa, geminado com o de Badajoz, o Festival Internacional de Música Clássica e o Festival Internacional de Cinema. Além dos eventos mencionados, Marvão mantêm uma colaboração regular com os seus vizinhos estremenhos de valencia de Alcántara em diversos eventos culturais e desportivos, com destaque para o Casamento Régio, representação histórica do casamento entre o Rei D. Manuel O Venturoso e a Infanta Isabel do Aragão.

A gastronomia tradicional de Marvão é motivo de vários eventos gastronómicos ao longo do ano, organizados pelo município, como as Comidas d’Azeite, e os eventos dedicados ao cabrito e ao cordeiro, ao bacalhau, à castanha e à caça. Da doçaria tradicional merecem destaque os doces de castanha, e as “ boleimas de maçã”.

O artesanato do Marvão inclui os tradicionais “bordados de casca de castanha”.

Uma paisagem de 360° tão ampla como o olhar alcança! Assim é Marvão. O ritmo da vida dos seus habitantes é marcado pelos ciclos da natureza no Parque Natural da Serra de S. Mamede, onde as raízes da humanização se perdem na natureza, dando forma a uma paisagem idílica, que parece rodear a vila desde todos os ângulos.

Neste momento Marvão tem em trâmite 2 candidaturas a património da Humanidade: “Fortalezas Abaluartadas da Raia”, uma candidatura conjunta com Elvas, Almeida e Valença. Além disso, também participamos, junto com outros 20 municípios, na “candidatura a património imaterial do Vinho do Pote”.

Marvão: uma terra para ver, sentir, desfrutar e nunca mais esquecer.

AMMAIA – Marvão, Portugal

Ammaia
Ammaia

Cidade de Ammaia

Cidade de Ammaia

A Cidade de Ammaia é indubitavelmente o mais importante vestígio da sua época existente na região do norte alentejano. Localizada em pleno Parque Natural da Serra de São Mamede, em São Salvador de Aramenha, no concelho de Marvão, a sua área central é constituída pela Quinta do Deão e pela Tapada da Aramenha, possuindo uma área de aproximadamente 25 ha.

Embora as suas ruínas tivessem sido classificadas como Monumento Nacional em 1949, estiveram abandonadas até finais de 1994. A partir desta data e com o aparecimento da Fundação Cidade de Ammaia vêm-se desenvolvendo todos os esforços no sentido de estudar e preservar o que resta desta importante cidade. Ammaia foi elevada a Civitas por volta do ano 44/45 d.C. tendo obtido o estatuto de Mvnicipivm ainda durante o séc. I d.C., no entanto apenas temos dados sobre o mesmo no reinado de Lúcio Vero, no ano de 166 d.C.

Pode-se, assim, estudar toda a malha urbana de uma cidade Romana, tendo-se desde já destacado importantes estruturas como o “podium” de um templo provavelmente do século I, e a existência de Termas públicas, bem como outras estruturas domésticas.

No local existe um “museu de sítio”, o Museu Monográfico da Cidade de Ammaia, por forma a mostrar a vida quotidiana da população que aqui viveu, bem como os diversos objectos aqui encontrados e inventariados, possuindo mesmo uma das mais importantes colecções de vidros romanos da Península Ibérica.

Grande parte da área ocupada pelas ruínas localiza-se em terrenos da Fundação Cidade de Ammaia, que tem como objectivo primordial o estudo, recuperação e preservação deste importante Monumento Nacional.

Estrada da Calçadinha 4
7330-318 São Salvador de Aramenha, Marvão

Coordenadas GPS:
Latitude 39.3701254
Longitude -7.3880976

www.ammaia.pt
Telefone: +351 245 919 08
ammaia@ammaia.pt


Facebook

Horário

  • De segunda a domingo das 9:00 às 12:30 e das 14:00 às 17:30.

Castelo

Castelo
Fotografia de Juan Carlos Durán

O Castelo de Marvão foi uma fortificação estratégica de detenção, orientada para a fronteira, de que dista uns escassos 13 Km. Constituiu também um eficaz lugar de refúgio e um extraordinário ponto de observação e vigilância, já que dominava claramente a segunda via mais importante de penetração dos exércitos do país vizinho, a partir de Valência de Alcântara, numa vasta zona do Alto Alentejo que vai de Badajoz ao rio Tejo. A sua inserção estratégica é clara: faz parte da primeira linha de detenção, pós Tratado de Alcanizes, que vai, no actual Distrito de Portalegre, de Montalvão a Elvas.

Castelo de Marvão
7330, Marvão

Coordenadas GPS:
Latitude 39.3968898
Longitude -7.382051

www.cm-marvao.pt
Telefone +351 245 909 138
castelo@cm-marvao.pt


Facebook

Horário

  • Aberto Todos os dias das 10h às 17h

Câmara Velha – Casa da Cultura

Câmara Velha – Casa da Cultura

A Câmara Velha foi o edifício dos Paços do Concelho, desde a sua construção, no reinado de D. Manuel (séc. XV/XVI), até 1956, ano em que se inauguraram as actuais instalações camarárias. Podemos compaginar a datação estilística do edifício com a pedra de armas manuelina e com a atribuição do foral em 1512.

É um dos mais importantes elementos da arquitectura civil da vila e, simultaneamente, o maior edifício antigo da mesma, o que, conjugado com a sua localização, atesta a sua importância política e administrativa através dos tempos. Com efeito, situa-se na confluência de três ruas (Rua de Cima, Rua das Portas da Vila e Rua do Relógio) que por sua vez procedem das três portas da cerca urbana medieval (respectivamente, Portas de Ródão, Portas da Vila e Postigo do Torrejão). A confluência constitui-se na praça, a do Pelourinho (também chamada praça da Vila), tendo ao centro este dispositivo de aplicação de justiça e símbolo do poder local, também ele manuelino.

Rua 24 de Janeiro nº1
7330-122 Marvão

Coordenadas GPS:
Latitude 39.3936265
Longitude -7.378262

www.cm-marvao.pt
Telefone: +351 245 909 137
camara.velha@cm-marvao.pt

Horário

  • De 2ª a domingo das 9h30 às 13h00 e das 14h00 às 17h30

Museu Municipal

Museu Municipal

A Igreja de Santa Maria, há muito fechada ao culto, e em avançado estado de ruína, foi recuperada para a instalação do Museu Municipal de Marvão.

A apresentação do rico e variado espólio obedeceu ao propósito de oferecer ao visitante um passeio pela História do Concelho de Marvão, desde o Paleolitico aos tempos dos nossos avós.

A presença romana está bem testemunhada no Museu Municipal pelas cerâmicas, metais, vidros e documentos epigráficos. As escavações efectuadas na necrópole romana da Herdade dos Pombais e a Cidade Romana de Ammaia, foram as principais fontes do espólio exposto.

Iglesia de Santa María
Largo de Santa Maria
7330-101 Marvão

Coordenadas GPS:
Latitude 39.3948328
Longitude -7.3800912

www.cm-marvao.pt
Telefone: +351 245909132
museu.municipal@cm-marvao.pt

Horário

  • Todos os dias excepto 2ª feira das 10:00h às 12:30h e das 13:30 às 17:00h

Oficina de turismo

Oficina de Turismo

Horario

  • 10:00 – 17:00h (Cerrado el 24 y 25 de diciembre)

Farmacias

Transportes

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Close Menu

Este sitio web utiliza cookies para que usted tenga la mejor experiencia de usuario. Si continúa navegando está dando su consentimiento para la aceptación de las mencionadas cookies y la aceptación de nuestra política de cookies ACEPTAR

Aviso de cookies